25 de jul de 2011

Cine Chega Mais democratiza o acesso ao audiovisual no Rio Comprido

Os cineclubes são cada vez mais freqüentes na região da grande Tijuca. Principalmente por conta dos editais e programas do Ministério da Cultura e das Secretarias, o acesso tem sido facilitado. Hoje será apresentado o projeto Cine Chega Mais, que realiza sessões e oficinas de audiovisual na região do Rio Comprido e adjacências.

O Cine Chega Mais

O Cine Chega Mais é um projeto de difusão do audiovisual, que visa à democratização do acesso da população a filmes brasileiros e a atividades como debates, palestras e oficinas.
O projeto começou com um Cineclube, contemplado pelo Ministério da Cultura através do programa Cine Mais Cultura, que cedeu equipamentos necessários para a realização das sessões.

Através da Lei de Incentivo Municipal do Rio de Janeiro/ISS e com o patrocínio da empresa Metrô-Rio, o Cine passou a oferecer oficinas de cinema aos jovens moradores de comunidades.

Recentemente a iniciativa foi contemplada pelo edital Microprojetos Culturais Territórios da Paz, também do Ministério da Cultura, para realizar oficinas de cinema e sessões de filmes na comunidade do Turano, no Rio Comprido.

O projeto fez parceria com o Bairro Educador e chegou até o CIEP Dr. Adão Pereira Nunes (Irajá – Comunidade do Amarelinho) e na Escola Municipal Andréa Fontes Peixoto (Pavuna – Comunidade Parque Columbia).

O projeto consiste em aulas e Introdução e linguagem do cinema, roteiro, produção e edição. Como resultado os alunos produzirão um curta metragem, que será distribuído em um DVD.
As sessões de filmes acontecem nos bairros do Rio Comprido, Estácio e Catumbi desde março de 2010.

Para ficar por dentro

Para saber das informações sobre as oficinas, se inscrever, ou freqüentar as sessões do Cineclube, é só ficar atento ao blog do projeto: http://cinechegamais.blogspot.com.



Serviço
Rua Campos da Paz nº 110, Rio Comprido
CEP: 20250-460 - Rio de Janeiro
Tel: (21) 2504-3175 | (21) 8041-1264
http://www.cinechegamais.com
E-mail: contato@cinechegamais.com

15 de jul de 2011

Musical no Tijuca Tênis Clube revive os tempos da Brilhantina

Estreiou ontem, dia 14 de julho, em curtíssima temporada no Tijuca Tênis Clube, o espetáculo musical 'Grease - Nos Tempos da Brilhantina'. O musical é apresentado pelo Núcleo de Dança do Tijuca Tênis Clube e conta com a participação do ator Elias Hatab, que também dança no espetáculo e faz o papel do apresentador de tv Vince Fontine, além de grande elenco de atores bailarinos.

"É simplesmente incrível a energia do elenco. Apresentamos esse espetáculo no final do ano passado e foi um sucesso, espero que seja assim esse ano. Estamos trabalhando para isso. E dessa vez além de fazer o Vince Fontaine ainda danço, como um dos amigos do Danny. Para mim está sendo maravilhoso!", revela Elias entusiasmado.

Grease é o musical que imortalizou o casal John Travolta e Olivia Newton-John como responsáveis pelo sucesso do filme que ocupa o 20º lugar no hanking na lista dos 25 maiores musicais de todos os tempos do American Film Institute, e conta a história de amor dos jovens Danny e Sandy, que se passa nos anos 50. Eles são um casal de estudantes que se conhecem e trocam juras de amor durante uma viagem de férias, mas se separam, pois ela voltará para sua terra natal. Entretanto, os planos mudam e Sandy por acaso se matricula na escola de Danny, o que faz com que o casal se reencontre.

Serviço:
Grease – Nos Tempos da Brilhantina
Local: Tijuca Tênis Clube – Salão Nobre
Endereço: Rua Conde de Bonfim, 451, Tijuca
Tel: (21) 3294-9300
Temporada: 14 e 15/07
Horário: 20h às 22h30min
Ingresso à venda antecipados no departamento de Cultura e na hora: R$12,00

11 de jul de 2011

Olha o Arraiá do SESC Tijuca aí, minha gente!



Nesse último fim de semana o Tijuca Tênis Clube lotou sexta, sábado e domingo. Como? Com o seu tradicional arraial, com muita comida típica, música e animação.

No próximo fim de semana é a vez do SESC Tijuca, que também tem uma das melhores festa julinas do bairro.






PROGRAMAÇÃO

Rádio Caipira: Brincadeiras, curiosidades, adivinhas, correio do amor com o grupo Oligator.
Local: Escadaria do restaurante
Horário: 17/22h – Classificação: Livre

Brincadeiras Juninas: Animação junina, gincanas, trava línguas , com o Grupo Oligator
Local: Espaço Anima
Horário: 17h/22h
Classificação: Livre

Contação de Histórias – “Cores e Sabores com Jujuba e Ana Nogueira”, são cantadas e contadas histórias sobre a festa Junina, seus símbolos , comidas e “causos” caipiras.
Local: Espaço Anima
Horário: 18h - Classificação: Livre

Caricaturas: Caricaturas ao vivo do público participante, com o Grupo Caricatura Solidária.
Local: Hall do Elevador
Horário: 17h
Classificação: Livre

Repentista: Miguel Bezerra e Duda Viana improvisam (o "repente"), sobre os mais variados temas, ao som de uma música extremamente simples tocada em violões ou violas.
Local: Área Externa
Horário: 17h
Classificação: Livre

Terreirada Cearense: Show com a banda “Forró de Raiz” – Geraldo Júnior.
Abertura com a Quadrilha da 3ª Idade do SESC Tijuca
Local: Casa Rosa
Horário: 19h

SHOW
Todos os Forrós com Tânia Alves.
Local: Ginásio
Horário:20h

______________________________________________________________________

E ainda em julho, no SESC Tijuca: vai rolar Cine Como Le Gusta, Cineclube Tijuquinha, Mostra CBTIJ para as crianças, FESTLIP - FESTIVAL DE TEATRO DA LÍNGUA PORTUGUESA, um Encontro sobre Leis de Incentivo à Cultura, e muito mais. Fiquem ligados nas nossas redes sociais, e confiram a programação abaixo:

11ª MOSTRA SESC CBTIJ DE TEATRO PARA CRIANÇAS

Troca de Plantão -Coletânea de cenas criadas pelos palhaços do grupo Roda Gigante a partir das intervenções realizadas por eles regularmente em hospitais públicos da cidade do Rio de Janeiro. Os palhaços do Grupo Roda Gigante brincam, improvisam, satirizam as rotinas médicas e se tornam "doutores" na arte de se relacionar com as pessoas. De Flávia Reis. Com Cristiana Brasil, Eber Inácio, Guilherme Miranda, Florência Santangelo, Julia Schaeffer e Marcos Camelo.
2 a 24/7, Sábados e domingos, 17h. R$ 3 (comerciários), R$ 6 (estudantes, idosos), R$ 12. [5 anos]

Zarak Show & As Aventuras de Darius e Igor - Nascidos em uma família de circo, os irmãos gêmeos idênticos e siameses Darius Kidrick e Igor recebem do Vovô Kabum uma importante missão: realizar a turnê mundial do Zarak Show. De Márcio Libar. Com Lucas Moreira e Fabrício Dorneles. Texto de Larissa Câmara.
30/7 a 21/8, Sábados e domingos, 17h. R$ 3 (comerciários), R$ 6 (estudantes, idosos), R$ 12. [5 anos]

4º FESTLIP - FESTIVAL DE TEATRO DA LÍNGUA PORTUGUESA
Entre os dias 21 e 30 de julho o Rio de Janeiro vai receber a quarta edição do Festival de Teatro da Língua Portuguesa. São 13 espetáculos teatrais inéditos, espalhados por diversas unidades do SESC Rio, todos com entrada franca, de países como Portugal, Angola, Cabo Verde, Moçambique e Brasil, totalizando 40 apresentações. A programação conta ainda com oficinas, debates, palestras, exposição de fotografias, shows e uma mostra gourmet. Na edição 2011, o grupo Raiz di Polon, de Cabo Verde, é o homenageado do Festival - que promove a interação cultural dos artistas das artes cênicas de língua portuguesa e a difusão da produção teatral dos países participantes.

Sesc Tijuca
.21 e 22/7 - Um homem, uma mulher e um frigorífico - Com o Grupo Sikinada Companhia de Teatro. Praia, Cabo Verde;
.23, 24 e 28/7 - Hotel Komarca - Com o Grupo Henrique Artes. Luanda, Angola;
.29 a 31/7 - Cor do Brasil - Com o Grupo Centro do Oprimido. Rio de Janeiro, Brasil. 21 a 31/7, 20h. Grátis. [14 anos]

CINE COMO LE GUSTA APRESENTA 1959
Em julho, o Sesc Tijuca apresenta cinco filmes de 1959, período pós-guerra onde o cinema daria passos fundamentais rumo a um amadurecimento.

.16/7 - Quem matou Leda? - Usando uma perícia, flashbacks e vinhetas, Chabrol cria um perturbador enredo de infidelidade, obsessão e assassinato num vinhedo em Provença. O negociante Henri Marcoux tem um caso amoroso com uma bela e jovem vizinha, bem debaixo do nariz de sua esposa, Thérèse. A linda filha de Henri, ao conhecer o húngaro, fica apaixonada, enquanto o filho voyeur de Hari começa a ter liberdades com a amante do pai. Com o amadurecimento das paixões na família, deslumbra-se uma tragédia. Obra-prima no gênero. De Claude Chabrol. França, 1959. 14 anos;

.23/7 - Hiroshima, Meu Amor - Um dos mais aclamados filmes da história do cinema. Neste seu primeiro trabalho de ficção, o diretor francês Alain Resnais criou uma elaborada narrativa cinematográfica para contar a história de uma atriz francesa que está em Hiroshima para participar de um filme sobre a paz. Durante as filmagens, acaba se envolvendo com um arquiteto japonês que sobreviveu ao bombardeio. Ele a faz relembrar seu primeiro amor, um soldado alemão que conheceu em Nevers, na França, no final da Segunda Guerra. Toda a ação do filme é entrecortada por estas lembranças e o tempo presente. De Alain Resnais. França, 1959. 18 anos;

.30/7 - Pickpocket - O personagem principal é Michel, um jovem que começa a bater carteiras por prazer e pela emoção do roubo, e isso vira uma compulsão. Ele é preso, percebe o choque que isso causa em sua mãe e em seus amigos e reflete sobre seus atos. Porém, depois de solto, ele se junta a um ladrão veterano e volta ao crime. Sua consciência pesa, bem como a memória de sua mãe. Também a presença de Jeanne, uma jovem por quem se apaixona, lhe faz pensar em deixar o crime, o que acontece de forma irônica. O filme contou com um batedor de carteiras como consultor. A frieza do tratamento, o rigor e a economia dos efeitos psicológicos faz deste filme um grande clássico da escola Bresson. Inspirado em Crime e Castigo, de Dostoievski. De Robert Bresson. França, 1959. Livre. Sábados, 15h. Grátis.

CINECLUBE TIJUQUINHA
2, 9, 23 e 30/07 - Uma seleção de filmes para a garotada. Exibição de filmes da Programadora Brasil. Sempre aos Sábados, 13h30. Grátis. Livre.

Confira a programação abaixo:

23/7- Deu a Louca na Cinderela, de John H. Williams;

30/7- Boleiros - era uma vez o Futebol, de Ugo Giorgetti e Uma história de Futebol, de Paulo Machline.


O DESENVOLVIMENTO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO ATRAVÉS DAS LEIS DE INCENTIVO